A- A A+ |

Pela quarta vez consecutiva, Sobral conquistou o 1º lugar no Índice de Oportunidades da Educação Brasileira - IOEB 2021, divulgado nesta quarta-feira (20/10). Com nota 6,7, Sobral supera as médias estadual (5,5) e nacional (5,0) no IOEB, que analisa as oportunidades oferecidas para crianças e jovens desde a Educação Infantil ao Ensino Médio de todas as redes educacionais do município.

O Ceará ocupa o segundo lugar do Brasil, no ranking dos estados no IOEB, ficando atrás apenas de São Paulo com nota 5,7. O IOEB 2021 foi calculado com base nos dados do IBGE 2010, do Censo Escolar 2019 e do Saeb 2019. Dos 20 municípios brasileiros com as maiores notas, 18 são municípios cearenses: Sobral, Cruz, Milhã, Ararendá, Itatira, Jijoca de Jericoacoara, Pires Ferreira, Martinópole, Quixeramobim, Catunda, Uruoca, Mucambo, Deputado Irapuan Pinheiro, Barroquinha, Ipaporanga, Meruoca, Cariré e Forquilha.

O êxito da política educacional de Sobral tem inspirado outros estados brasileiros e tem sido apresentada como referência para líderes de diversos países em conferências promovidas pelo Banco Mundial. O município continua buscando aperfeiçoar cada vez mais sua política educacional com novos currículos para a educação infantil e para o ensino de língua portuguesa, matemática e ciênciais, olhando para as melhores experiências internacionais de aprendizagem “mão na massa”, aliados ao desenvolvimento das competências socioemocionais para a formação integral dos estudantes.

OPORTUNIDADES

O IOEB é um índice público bienal que analisa e compara como cada município, estado, Distrito Federal, e o país como um todo, está contribuindo para o sucesso educacional dos indivíduos que nele vivem. Foram avaliados mais de 5 mil municípios brasileiros analisando as oportunidade de educação de qualidade oferecidas para crianças e adolescentes.

O indicador é formado pela relação entre os insumos educacionais (escolaridade dos professores, número de horas-aula por dia, experiência dos diretores e taxa de atendimento na educação infantil) e resultados educacionais (Ideb - Índice de Desenvolvimento da Educação Básica dos anos iniciais e finais do ensino fundamental e taxa líquida de matrícula do ensino médio); além da escolaridade dos pais.

O IOEB é realizado pela Comunidade Educativa CEDAC, com a parceria técnica das consultorias Metas Sociais e Conhecimento Social. A iniciativa tem o apoio do Itaú Social, Instituto Natura, Fundação Roberto Marinho e Instituto Humanize e o apoio institucional do CLP.

Veja o resultado AQUI

Instagram
YouTube