A- A A+ |

A Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria da Conservação e Serviços Públicos (Sesep), recolheu, no mês de agosto, mais de 560 toneladas de resíduos orgânicos. Os resíduos são gerados pela poda urbana de árvores e coleta seletiva na área de hortifruti do Mercado Público Municipal, gerenciado pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Econômico (STDE). Os resíduos orgânicos são destinados ao pátio municipal de compostagem, localizado na Central de Tratamento de Resíduos (CTR).

Esses resíduos serão transformados em composto orgânico que auxiliará na produção de mudas e manutenção das áreas verdes de praças e parques municipais, atividade desenvolvida pela Agência Municipal do Meio Ambiente (AMA).

A iniciativa faz parte dos acordos setoriais do Consórcio de Gestão Integrada da Região Metropolitana de Sobral (CGIRSM), em consonância com a coleta, transporte e destinação adequada dos resíduos.

O secretário da Conservação e Serviços Públicos, Carlos do Calisto, destaca a importância da destinação correta dos resíduos sólidos que são recebidos no pátio municipal de compostagem, como resultado de ações intersetoriais e com a colaboração da população sobralense. "Com isso, continuamos cuidando do meio ambiente e este composto produzido retorna para a população como melhoria para a cidade”, ressalta o secretário.

Instagram
YouTube